Visitas

quarta-feira, 30 de março de 2011

A vida é um palco ...



“ A vida é uma peça de teatro que não permite ensaios por isso cante, ria, dance, chore viva intensamente cada momento da sua vida…antes que cortina se feche e a peça termine sem aplausos….. “

Agarrei nesta frase que penso ser de Charles Chaplin e saiu isto … ( atenção que é pura ficção !!! )

A vida é um palco gigante já alguém o disse, uma peça de teatro com uma única diferença, não permite ensaios, gostamos que saia tudo perfeito à primeira o que nem sempre acontece ! Muitas das vezes sinto-me uma actriz numa história que não me pertence, ou um palhaço que ri e faz rir, que pinta o rosto, e tenta colorir o peito com um coração por vezes negro, mas nos lábios um riso cheio de emoção e de alegria…
Um Palhaço que veste o fato da ilusão e que por vezes apetece ir buscar, interiorizando-o e nunca mais o deixar partir fazendo ouvir as palavras do seu coração, com todos os seus dissabores e alegrias….
Todas as manhãs salto da cama, para o palco da vida, não importa se a noite foi bem ou mal dormida, se me dói a cabeça, ou se me doi a alma lá fora muitas crianças me esperam para as ensinar a rir, a brincar, a aprender como se escreve ou lê, como é constituída uma planta e de que é feito o mundo e como se criam laços de amizade!
Às vezes sinto-me ausente , mas eles chamam por mim e continuo a minha arte de representar e ensinar o que vem nos livros e na minha alma!
Por detrás deste palhaço da vida esconde um coração que arde de saudade.Tu que o roubaste de mim e depois partiste-o aos bocadinhos e deitaste-o fora. Agora junto cada bocadinho e tento voltar a reconstruí-lo…volto juntar cada peça e fazer um coração forte e saudável…sem tristezas , nem medo de ser feliz! Continuo a acreditar que é só uma questão de tempo...
No palco da vida dou cambalhotas, rio e sorrio, caio e levanto-me e já não preciso de esconder as lágrimas atrás de uma máscara, porque os meus olhos secaram, já não deitam lágrimas em forma de pingos de chuva…apenas sorriem um sorriso luminoso!
Hoje sinto-me um palhaço alterado, sem vontade de trabalhar mas a luzes acenderam-se os holofotes iluminam e o espectáculo não pode parar porque o palhaço precisa de ganhar a vida!!!! E as crianças esperam estão atentas a cada gesto deste palhaço, palhaço que nem sempre trás números novos, mas que tenta fazer sempre algo de novo…porque todos os dias são diferentes, por muito que pareçam iguais...
Ai ! Ai! como nos palcos da vida vestimos e despimos tantas personagens sem darmos por isso,…somos tantas personagens num só dia, e às vezes numa só hora...por isso o importante é tentar viver cada personagem, cada história de uma forma intensa...para que possamos ouvir os aplausos no fim de cada actuação...no fim de cada dia, de cada hora ....
E meus amigos a vida é mesmo um palco

1 comentário:

  1. Um grande palco, do tamanho de nossa existência.
    Mas não é profissão indigna ser atriz. É necessário grande talento e amor para viver assim.
    Sendo você mesma, e um pouquinho outra, que na hora H, resolve a questão. Bom fim de semana.

    ResponderEliminar