Visitas

domingo, 6 de março de 2016

De vez em quanto, alguém reclama de falta de amor. Falta de amor!

De vez em quanto, alguém reclama de falta de amor. Falta de amor!

Nós entendemos, pode não se dizer para não contraiar  ou deixar a pessoa mais triste
ou então dar-lhe algum consolo   “não fiques assim,  respira, “ vai aparecer sem o esperares.
Tenta-se honestamente suavizar a coisa, quando na verdade devia é dizer-se logo : “pode ser, mas não é por falta de opção, ah!,ah! não é não !!!!

 O amor é um bicho de muitos nomes. É trabalho de cada um escolher o seu, e sair
amando de qualquer maneira e jeito…..
Amigos verdadeiros quando existem, essa  amizade é sinónimo de amor. Aquele sentimento de ser pessoa querida e na volta só querer o bem para o amigo. Estar em casa, ou em qualquer lugar do mundo, quando se está ao lado de gente amiga, é amor
 também…. e, talvez seja uma das melhores coisas para os dias “ ( des ) amor que
todos nós temos de vez enquanto.

Gente gentil, então, tem a alma cheia de amor. Gentileza é amor com outro nome.
Saudade também. Saudade chama-se amor. É quando nós gostamos do que já foi, e o que já foi segue causando um friozinho amoroso aqui dentro.

Respeito. Quem ama respeita. Respeitemo-nos descaradamente! E solidariedade, então? Solidariedade,  é amor na prática. Pessoas solidárias são amorosas incontroláveis, com vontade de ajudar.

Trabalho também é amor e gente esforçada,  desperta amor nos outros, que estão junto a eles, quando se gosta do que se faz.

O amor tem muitos nomes. É apreço, carinho, humildade, estima, bondade, compreensão e tantos, tantos outros. Só não encontra quem não quer. Ele só falta a quem não sabe reconhecê-lo por aí e àqueles que, sobretudo, quando o encontram, têm que primeiro cultivá-lo cá dentro, para depois o poderem  partilhar, senão também deixa de ter valor, amor guardado, é amor perdido, tal e qual como a sabedoria…..


Todos nós sabemos que companhias amorosas podem faltar. Amor, com qualquer nome, existe por aí para dar e vender. Mas cada um tem de escolher o seu. E depois a vida encarrega-se do resto.

Sem comentários:

Enviar um comentário