Visitas

terça-feira, 13 de outubro de 2015




Recomeça
se puderes

Sem angústia

E sem pressa.
E os passos que deres,
Nesse caminho duro
Do futuro
Dá-os em liberdade.
Enquanto não alcances
Não descanses.
De nenhum fruto queiras só metade.

(Miguel Torga)

Sem comentários:

Enviar um comentário