Visitas

sábado, 19 de setembro de 2015

Psicologia Positiva





Convido todo, caso se interessem por estes assuntos a visitarem a minha pagina  que tem como titulo: 

O Efeito da Psicologia Positiva dentro de um Cérebro Céptico....





Após o Congresso que tive o privilégio de estar presente durante estes 3 dias, sobre Psicologia Positiva no ISCSP ( Instituto Superior de Ciências Sociais e Politicas da Universidade de Lisboa ) de onde venho com uma bagagem enorme cheia de coisas boas, tambem e felizmente muitas delas já as tinha dentro da bagagem, mas lá dentro ainda coube muito mais. Estive sempre na minha zona de conforto....

Para poderem apreciar um pouco as palavras e como é,deixo aqui 2 vídeos já um bocadinho antigos destes dois psicólogos docentes do ISCSP ( colegas esposos) investigadores/ estudiosos sobre a Psicologia Positiva.
Foram eles os mentores acompanhados de muitos dos seus alunos ( prós-graduação/mestrado em PP ) que foram formando ao longo de já a alguns anos que ajudaram a organizarar este II Congresso. O I Congresso foi em 2010. É inexplicável o que ali se passou durante estes dias . Comunicadores fantásticos os convidados escolhidos a dedo pela Helena Marujo e pelo Luís Miguel Neto que abrilhantaram este Congresso. Ofereceram-nos o que tinham de melhor das suas vivencias no âmbito da PP ( dentro de cada área ) e ao mesmo tempo como se transformaram as suas vidas com a PP. Desde a medicina ou riso, ao canto, e ao empreendedorismo, ao ensino todos estavam lá para dar o seu testemunho do "como era dantes" e como é agora" após terem aderido à Psicologia Positiva.No meu entender por falta e conhecimento, chamar-lhe-ia ( da qual me identifico em muitas e muitas coisas ) ou estarei a dizer um grande disparate? Claro que estou a dizer um grande disparate; A psicologia positiva não é um movimento filosófico ou espiritual. Não é um exercício de auto ajuda nem uma forma mágica para ser feliz. É sim, um ramo da psicologia que estuda as potencialidades dos seres humanos, e as qualidades individuais e colectivas que proporcionam vitalidade e sentido à vida. Quem não sane é como quem não vê......
Só posso dizer que fiquei fã, porque são valores e ideologias que eu tenho vindo a praticar já há muito anos, tais como na ajuda a terceiros, humildade, compreensão, a força +positividade, a não inveja, optimismo, o tentar compreender e ajudar quem pede ajuda, as boas relações com toda a gente, ( interpessoais) o olhar em frente, o ir à luta a criatividade , o cair e levantar, ao fim e ao cabo a PP é isto, o primeiro passo é aceitar-nos como somos e estar bem connosco próprios quando esse passo está dado, a partir daí tudo vai rolando ... conclusão adorei. A minha divina vénia a quem me convidou ... e um grande bem-haja à Prof. Helena Marujo e ao seu colega esposo pela Organização deste II Congresso sobre PP, que nos fez abrir novos horizontes para vivermos uma vida melhor e mais feliz. Tambem para eles a minha vénia . Obrigada.

Sem comentários:

Enviar um comentário