Visitas

segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

Porquê a autodestruição?

Não fui eu que escrevi este artigo, mas adaptei o texto, porque estou de acordo com quase tudo o que li, ou tudo mesmo, por esse motivo resolvoi transcrevê-lo ...

O porquê da autodestruição ? 

Whitney Houston, Amy Winehouse e Michael Jackson são exemplos de seres humanos que possuiram tudo que as pessoas dizem desejar para ser felizes: foram famosos, ricos e amados, aliás, são amados até hoje. Mas, se autodestruiram.
 O que teria acontecido? 

Não é apenas no universo das celebridades da música, ou do cinema, que isso ocorre. Nas empresas, executivos e outros profissionais que, teoricamente, fizeram ou estão no meio de carreiras bem-sucedidas se autosabotam. Abusam de álcool e outras drogas, e são infelizes nas suas vidas pessoais. Para piorar, no trabalho, as suas palavras e acções são motivos de sofrimento para si e para aqueles que os cercam.
Mas porquê? 

O não preparo para o sucesso !

Muitas pessoas acreditam que, quando tiverem sucesso material e financeiro, as demais áreas de sua vida se resolverão. Mas, isso não ocorre. Lidar com problemas financeiros é muito difícil, entretanto, ser bem-sucedido financeira e profissionalmente e arruinado em outras esferas da vida é um tipo terrível de fracasso.

Quando o sucesso ocorre e o indivíduo não está preparado, em geral é esmagado por ele. Acontece que terá de lidar com uma agenda repleta de compromissos, a cobrança de pessoas, e também a auto cobrança exagerada, exposição pública, críticas improcedentes, a gestão da vida pessoal e financeira, enfim, tudo se torna muito complexo. Assim como não se espera que um motorista, com seu conhecimento sobre o “painel” de um carro seja capaz de pilotar um avião; na vida, não se espera que alguém esteja habilitado a gerir a complexidade do sucesso com a visão de uma criança. 

Embora não exista uma cartilha para lidar com o sucesso, até porque as pessoas estão mais preocupadas em achá-lo do que em geri-lo, algumas sugestões são relevantes de se pensar. 

Jamais  se pode mudar seu passado! 

Ninguém escreve no seu CV: “que a sua vida foi difícil, porque passou fome e o meu pai abandonou a minha família quando eu tinha 10 anos etc”. Lamento que coisas terríveis tenham acontecido no seu passado, mas o mundo não se importa com isso. Ele quer saber de seus méritos. A pessoa tem de aprender a lidar com os problemas lamentáveis de sua vida, seus medos, dificuldades indescritíveis que enfrentou para chegar onde chegou. O sucesso não vai tornar esses fatos mais compreensíveis ou aceitáveis. O indivíduo terá de elaborá-los, aceitá-los, lidar com eles da forma mais funcional possível. Isto é, compreender que fazem parte de seu passado, mas não se deixar influenciar negativamente por eles, querendo compensá-los, consertá-los ou escondê-los por meio de seu sucesso. 

Temos de aprenda a lidar com as nossas  frustrações |!

Não existe uma regra que estabeleça que seus pais são obrigados a ama-lo. Também não há lei nenhuma que diga que os seus amigos só querem o seu bem, sempre. Ou, que pessoas mal intencionadas jamais se aproximarão de si. Ou então, que todas as suas acções produzirão os resultados desejados. A dura realidade é que algumas pessoas literalmente tiveram de ser salvas de seus pais. Outras, de seus amigos e amores. E há aquelas que tiveram de se reerguer devido a decisões erradas que tomaram no passado e que consumiram grande parte de sua energia e tempo para ser corrigidas. A vida tem destas coisas. Não há sucesso que possa torná-lo mais forte com relação às frustrações. Você terá de buscar essa força no exercício diário da vida, reconhecer que as frustrações, por vezes profundas, fazem parte da existência humana. Querer uma vida sem dor, sem problemas é um desejo impossível. Aliás, as únicas pessoas que não possuem problemas estão no cemitério. As demais acordam todos os dias e têm de enfrentá-los. 

Não queira fazer tudo sozinho 

Certa vez, perguntaram a Dalai Lama se era possível um ser humano se desenvolver sozinho. Após longa pausa e algumas considerações, a resposta foi: "Sim, é possível... só que leva muito mais tempo." 

Assim, se há preparo possível para o sucesso, diria que é, em primeiro lugar, observar às demais pessoas. No meu trabalho diário, observo que os indivíduos seriam mais saudáveis se soubessem que suas dúvidas, angústias, frustrações e seus medos existem porque estão presentes a todos que pertencem à raça humana. Mas, precisam de referência, de alguém que lhes diga isso e demonstre com fundamento. Por isso, ter humildade para desenvolver-se, mesmo depois de chegar lá, é um factor de preparo para a carga que o sucesso acarreta. 

Portanto, no decorrer de seu desenvolvimento, procure profissionais que possam contribuir com seu fortalecimento: médicos para manter o check up e saúde de seu corpo físico em dia, um nutricionista, De vez em quando consultar um psicólogo para ver como anda sua saúde emocional e psicológica. Ter momentos de serenidade como uma meditação, um retiro, ou qualquer actividade que possa acalmar sua mente.  

Reavaliar amizades 

Sempre estar atento e reavaliar todos esses profissionais mencionados, amigos e mesmo familiares. Se o indivíduo não tiver competência para identificar pessoas de má índole que se aproximam dele, principalmente após seu sucesso, terá sérios problemas. Portanto, até mesmo antes de amar, é bom fazer essa lição de casa. Muitos amores foram a causa de ruínas de pessoas bem-sucedidas profissionalmente. 

Por este motivo que também deve ser capaz de gerir suas emoções, para que não lhe causem danos ao longo do tempo. O preparo psicológico é, portanto, fundamental.

Não conheço ninguém que afirme que se tivesse menos dinheiro estaria melhor. Mas, conheço pessoas que se lamentam do sucesso não lhes ter  dado a serenidade que tanto desejavam. O sucesso profissional e financeiro é somente uma área de nossa vida, não é a vida toda. Após chegar lá, seja lá onde for para si, as demais esferas da vida continuarão esperando para serem exploradas e conquistadas. Vamos em frente!

Sem comentários:

Enviar um comentário