Visitas

domingo, 12 de setembro de 2010

Ser diferente ...

imagem tirada da net
O ser diferente ..
.
A "padronização" é que nos mata .... Os padrões de vida que a sociedade impõe é que mata a individualidade e talvez porque não a criatividade da pessoa, porque dificulta muitas das vezes, e não dá oportunidade nem cria espaço para uma coisa simples que só está um terreno fértil para poder crescer ...
Penso que neste momento, nada disto acontece ( ouvi ontem que Portugal está equiparado à Holanda, no que respeita a certas liberdades ) portanto, o que estou para aqui a dizer já não terá significado, mas para alguns, ainda sei que tem.
E voltando um pouco atrás, as regras do preconceito são terríveis e torna-se muito difícil ser-se diferente.
Ou temos que ser muito corajosos para ir contra a tudo e a todos, ou acabamos por nos moldar e engolindo "uns sapitos", para assim não dar margens a comentários e pensamentos mais pecaminosos acerca de nós.
Cada um tem o direito a viver e andar como quer e pode, mas na realidade não é assim, porque existe sempre uma cobrança invisível e mascarada por parte de quem nos olha, nunca olhando para si próprio como devia de ser, em primeiro lugar, agindo logo de imediato como se fossem detentores da verdade.
Nunca nada disto me preocupou e continua a não me preocupar, a partir de uma certa idade, resolvi tomar uma atitude e com os devidos limites, nunca liguei aos preconceitos e às regras que a sociedade me impunha, nem na maneira de vestir, nem em relacionamentos, por vezes com muita dificuldade mas lá tenho andado . Para ser diferente, é preciso pensar primeiro e ver se faz sentido o que estamos a propor para nós, se faz, então meus amigos tudo bem é só ir para a frente e logo se verá ...
E outra coisa, muitas vezes há uma grande confusão entre o coração e a mente, mais vezes do que imaginamos e quando as pessoas sentem alguma coisa que não está de acordo com algum padrão convencionado, ( para os que seguem ) sem dó nem piedade começam-se a ter um martírio solitário, amarguradas, zangadas com o mundo, com toda a gente, e assim nunca conseguem descobrir quanto é bom Viver !!
.
Em duas palavras posso resumir tudo o que eu aprendi sobre a vida quando se consegue ser diferente:
Ela continua ....

Sem comentários:

Enviar um comentário