Visitas

quinta-feira, 22 de julho de 2010

Hoje apetece-me pintura ...

Chagall

Picasso



Chichorro


Rembrandt


S.Soloman

Merello

Lempika

Miró

Cavalcanti

Bosh
J.Moore

Narciso/Caravaggio

Caravaggio

Ana Kaminski


A minha pintura é a minha arte ....

A minha pintura é a minha arte ...
São as minhas obras primas, as cores da vida,
Travessura e ternura
Pincelada sobre pincelada,
que me faz esquecer, a tristeza e a vida,
Rostos, corpos e mãos ...
Vermelho, preto e rubro, tudo à mistura,
Bocas brilhantes, olhares marotos,
corpos ondulantes, abraçando-me diariamente.
A minha pintura é a minha arte,
A cada dia uma cor, o descobrir permanente,
de traços sem fim,
Traços de ouro e marfim...
Sublimes figuras em telas vivas,
com ar lascivo
Eu gosto, sabe-me bem,
Em sépia, acrílico ou pastel
E de olhos olhos fechados,
num infinito branco,
e com muitas cores à mistura,
É nelas que eu me revejo ...
É nelas que eu me sinto ...
É nelas que eu descanso ..
Em obras por vezes sem fim,
A minha arte é a minha pintura ...
Maria Dulce Horta

Escrevi estas palavras tendo a ousadia de chamar-lhes "um verso" . Foi a primeira vez que tal me aconteceu, e, com toda a modéstia e respeito permitindo-o ou não, elas vão para o JÚLIO. Amigo, és tu que me obrigas a "isto" dizendo sempre: vai, vai que tu consegues, e empurras, empurras... foi um privilégio para mim, teres aparecido do "além", quando eu ia caminhando sossegadamente ... (coincidências?).


































































Sem comentários:

Enviar um comentário