Visitas

quarta-feira, 26 de maio de 2010

Tenho duvidas e algumas certezas ....



Desde a algum tenho seguido com alguma atenção este blog, não sei quem o escreve, o que sei é que quando li o artigo ,"Duvidas e Certezas sobre a Igreja", encontrei uma certa afinidade com o tema, estando de acordo com a maioria das respostas, porque também tenho muitas duvidas e certezas, acerca deste mesmo assunto, pensei que seria importante abordá-lo, mas, como não seria capaz de expô-lo desta maneira tão brilhante, transcrevo aqui, alguns "excertos", das respostas dadas pelo autor do blog aos comentários feitos quando da publicação da I parte do artigo sobre o assunto acima mencionado, que achei mais relevantes........

Com o meu pedido de desculpas pelo abuso.

(.... ) tal como reconheço e respeito a certeza de um crente na existência de Deus, peço respeito pela certeza que tenho na sua inexistência, certeza que me parece bem mais razoável do que a do crente, não oponho razão à fé, porque não considero que o crente, mesmo quando católico, seja um ser irracional.


A Igreja Católica é criada, não por Jesus Cristo, mas pelo Império Romano. Ou acham que Cristo iria criar uma igreja chamada Igreja Católica Apostólica Romana, quando em tempo da sua vida, foi esse o império que perseguiu os cristãos e que acabou mesmo por crucificá-lo? E, não me levem a mal mas quem diz que foi Jesus que criou a Igreja Católica é quem na realidade não conhece a história da própria Igreja onde professa (....)


(...) O Vaticano e tudo o que corporiza é um Estado de ostentação, que vive não para ajudar os pobres, mas garantir que continuam a existir. A caridade da igreja não é mais do que a catarse moral dos ricos à procura de um lugar no céu. O que importa não é acabar com a pobreza, é torná-la suportável para que continue a existir.


(...) A Igreja apoiou e ajudou a esconder o holocausto nazi ! ah e tal, pedimos desculpa. A Igreja apoiou a escravatura! ah e tal, pedimos desculpa. A igreja condenou à morte centena de cientistas e progressistas! ah e tal, desculpem lá. A igreja ajudou a esconder padres pedófilos! ai que pecado, pedimos desculpa.
Que raio de congruência é esta? Um fiel comete um pecado, confessa-se e o padre exige-lhe que reze não sei quantas terços e que deixe sempre um contributozinho para a manutenção do património da Igreja. A Igreja comete os crimes mais hediondos do mundo e basta que séculos depois peça desculpa? Deus, permitam-me , está ser parcial no julgamento?


(....) os padres e a igreja confortam-nos perante a morte dos nossos entes queridos? É um facto que muita gente pensa assim, e eu respeito. É gracioso esse trabalho? Sabem alguma coisa da vida de quem ali está ouvir o que dizem? ... é uma importante fonte de receita para a igreja esse conforto benévolo.

(....) instituição caduca e que desrespeita os hábitos e as tradições de todos os que não pensam como ela própria. Respeitaria Jesus Cristo se o tivesse conhecido, louvaria o seu esforço e sacrifício pela humanidade, talvez me merecesse uma vénia séria e sentida. Jamais me vergaria a uma organização, a um estado e a um conjunto de sacerdotes que dizem falar em nome de Deus, que arrecadam riquezas incontáveis à custa da fragilidade das pessoas(...)


(....) uma Igreja fundada apenas para dominar a relação dos homens com Deus, assim controlando indirectamente a relação dos homens entre si mesmos.


(...) a linguagem discriminatória e machista dos sacerdotes, em nome da igreja. ...casamentos onde se diz " mulher, sê servil ao teu marido" e diz semelhante coisa ao homen porque será?


(....) ameaçar as pessoas com o inferno e o sofrimento eterno, é chantagem e cultura do medo?


" in pedras contra canhões"


Sem comentários:

Enviar um comentário