Visitas

terça-feira, 28 de setembro de 2010

Guitarra triste, poema cantado por ....

Hoje deixo um poema de um fado de Kátia Guerreiro, e uma a pintura extremamente expressiva e sensual de Juarez Machado, ambos muito bonitos ...

Para todas as mulheres que merecem ser felizes ...

Ninguem consegue
por mais forte que seja
alcançar o que deseja
seja qual for a ambição
se não tiver
dando forma ao seu valor
uma promessa d'amor
que alimente uma ilusão
.
refrão
.
Uma mulher
é como uma guitarra
não é qualquer
que abraça e a faz vibrar
mas quem souber
o modo como a agarrar
prende-lhe a alma
nas mãos que a sabem tocar
por tal razão
se engana facilmente
um coração
que queira ser feliz
guitarra triste
que busca um confidente
nas mãos de quem não sente
o pranto que ela diz
.
Não há ninguem que não
peça à própria vida
a felicidade merecida ...
...
...
Letra e música de Álvaro Duarte Simões

Sem comentários:

Enviar um comentário